Carrinho de compras
Seu carrinho está vazio

Central de
Atendimento

0

FRETE GRÁTIS

ACIMA DE R$ 299,00 REGIÃO SUL E SP

DESCONTOS

PREÇOS EXCLUSIVOS

PAGUE COM CARTÃO

EM ATÉ 12X

SEGURANÇA

LOJA OFICIAL

06/05/2024

6 tipos de condulete para sua instalação elétrica

Os conduletes são como uma caixa de luz, só que menores e tem como finalidade proteger os fios e cabos que estão dentro dos eletrodutos, permitindo o acesso a eles após finalizada a instalação.

Existem diversos tipos de condulete e estes podem ser encontrados em alumínio ou plástico PVC, com várias tampas e aberturas diferentes. Sendo do tipo fixo ou múltiplo — onde há tampas na peça, podendo escolher onde a mangueira conduíte será conectada.

Não apenas serve como uma medida de segurança para proteger e dar acesso aos cabos, mas os conduletes garantem uma instalação de excelência permitindo que os cabos sejam passados de modo organizado e planejado.

Eles fazem parte da lista de materiais indispensáveis para instalação elétrica residencial! Venha conhecer os tipos de conduletes fixos e múltiplos e saiba qual é o melhor para a sua instalação!

1. Fixo tipo B, E e C

O condulete fixo tipo B é reconhecido por ter apenas uma única abertura na sua horizontal! Indicado para finalizar a instalação elétrica ou até mesmo quando a intenção é embutir uma nova fiação sem ter que quebrar a parede.

Já o Tipo E possui apenas uma saída em uma das suas extremidades. Assim como o fixo do tipo B, possui a mesma função de dar acesso à parte interna da parede para a instalação de um novo fio. Seu diferencial é feito para ficar instalado na posição vertical da parede.

O tipo C já se diferencia mais do que os anteriores, pois este possui duas aberturas em cada uma de suas extremidades, excelente para fazer a passagem de fios sem a necessidade de quebrar a parede, permitindo ser instalado em locais internos ou externos às paredes.

parede de tijolos com conduletes instalados

2. Fixo tipo LL, LR e LB

Este tipo possui apenas dois espaços para que a mangueira condutora se encaixe, formando a letra L para a esquerda quando instalado. Já o LR, assim como o LL, possui duas portas para a conexão da mangueira, mas este o "L" fica voltado para a direita, permitindo guiar o fio para o outro lado.

No condulente LB temos uma abertura para conectar a mangueira na extremidade, igual aos anteriores, mas a outra saída fica na parte de trás da peça.

Condulete Fixo tipo LL, LR e LB instalado em parede de sala

3. Fixo tipo T e TB

O condulete tipo T possui 3 aberturas que, quando posicionado, assemelha-se à letra "T", permitindo encaixe das mangueiras de todos os lugares.

Já o tipo TB possui 2 aberturas, sendo uma em cada extremidade e outra na parte de trás.

Conduletes Fixo tipo T e TB instalados em sala

4. Fixo tipo X

Este é um dos mais versáteis dos conduletes de tipo fixo, com quatro aberturas, uma em cada lateral, quando posicionado na parede as saídas se assemelham a um "X".

Os modelos são excelentes para projetos elétricos que exigem um maior volume de entradas e saídas de fios direcionados para outras partes da instalação.

Condulete Fixo tipo X em sala

5. Condulete múltiplo

Esta peça é característica por possuir encaixes não fixos, ou seja, possui várias tampas de saída, sendo mais prático e versátil de usar. Suas tampas podem ser facilmente retiradas conforme a necessidade de uso, elas também podem ser facilmente substituídas por roscas que facilitam o encaixe das mangueiras, bem como parafusadas da forma tradicional.

A vantagem do condulete múltiplo é que apenas um produto supre todas as necessidades, mas há quem prefira os com saídas fixas — especialmente quando não há previsão de passar um cabo novo.

Já que estamos falando de cabos, gostaria de saber como puxar a fiação de chuveiro? É só clicar no link para conferir!

Condulete múltiplo

6. Condulete com ou sem rosca

Os conduletes com rosca possuem em sua saída um encaixe com parte interna de rosca, permitindo a fixação da mangueira condutora rosqueando-a à peça, sem precisar de outros materiais.

Já os sem rosca só conseguem fixar a mangueira com a utilização de um parafuso.

Condulete com ou sem rosca

Condulete de PVC ou alumínio, qual é melhor?

Além dos diferentes formatos de conduletes, encontramos eles tanto em plástico PVC como em alumínio. Conheça sobre cada um e saiba qual material vale a pena investir em sua instalação.

Conduletes instalados em parede de sala

Condulete em alumínio

As peças em alumínio são conhecidas pela sua alta qualidade e resistência, sendo muito eficiente para os projetos elétricos residenciais ou comerciais. O alumínio é excelente principalmente para instalações próximas ao litoral, onde os materiais sofrem com a corrosão causada pela maresia.

Nos ambientes industriais, as peças em alumínios também são a melhor opção. Isso porque elas possuem maior resistência ao calor, garantindo segurança e qualidade ao projeto elétrico.

Quando o objetivo é instalar um condulete de sobrepor, fora da parede, a melhor opção são os em alumínio, pois, eles estarão mais expostos à luz, calor, sol e possíveis intempéries. Deste modo, possuem maior durabilidade! Os modelos são esteticamente mais agradáveis, não comprometendo o acabamento após uma instalação externa.

Detalhe de Condulete em alumínio instalado em teto

Condulete em plástico

O condulete elaborado em plástico PVC é menos resistente do que o de alumínio, mas ainda assim possui um excelente potencial de durabilidade.

Não é à toa que é um dos principais materiais utilizados em produtos elétricos, eletrodutos, encanamentos e em isolamento de fios e cabos.

O PVC rígido suporta até 60ºC, sendo um material mais econômico do que o alumínio, atendendo as necessidades tão bem quanto ele.

Aproveite para conhecer os detalhes do circuito em série! O melhor conteúdo está no blog da Eletroluz.

Condulete em plástico

Qual a diferença entre eletroduto e condulete?

O eletroduto também é conhecido como mangueira condutora — ou conduíte para fio. É, basicamente, o responsável por guiar e levar os fios até seus terminais, os conduletes.

Cada tipo de instalação exige um tipo de eletroduto, que pode ser vendido em inúmeras formas, materiais e espessuras, pois são os canais responsáveis por proteger todos os cabos condutores de energia, seja em paredes, teto ou na terra.

diferença entre eletroduto e condulete

Alguns tipos de eletrodutos são:

  • Eletroduto rígido;

  • Eletroduto flexível;

  • Eletroduto isolante;

  • Eletroduto metálico;

  • Eletroduto curvável;

  • Eletroduto flexível plano;

  • Eletroduto flexível corrugado;

  • Eletroduto transversalmente elástico;

  • Eletroduto corrugado flexível reforçado.

Neste conteúdo, você acompanhou, com a Eletroluz, um post completo sobre os tipos de conduletes utilizados para instalação elétrica, seus diferentes formatos, materiais e ainda ficou por dentro das diferenças dos dispositivos.

Prezamos sempre por um conteúdo completo para auxiliar você no momento de selecionar um produto ou até mesmo se atentar aos cuidados no momento da instalação.

Agora que você já sabe tudo sobre os conduletes, visite nosso post onde ensinamos sobre como utilizar os eletrodutos e eletrocalhas na decoração, um post excelente para situações que a sua instalação é de sobrepor!

Encontramo-nos por lá!